Ying e Yang

Eu sempre pensei que, para tudo na vida, qualquer fato tem seu oposto. Homem e mulher, belo e feio, matéria e anti-matéria, chefe e empregado.
São justamente esse opostos que fazem o mundo girar e, como tal, todas as vezes que me encontrava batendo teclas sem um assunto pré-determinado aqui nesse módico espaço virtual (tipo…ontem) haveriam de encontrar o seu contrário, o que passou a ser meu novo problema.

Tenho muita coisa para escrever. A tão desejada demissão da minha empresa, que venho batalhando por dois longos anos para obter, finalmente está próxima, pois foi discutida e devidamente acertada com o meu chefe hoje.
Meu coração, depois de tanto tempo, abriu espaço para sentimentos que se fortaleceram ainda mais por certa pessoa nesse últimos tempos, e tendem a crescer ainda mais.
Tenho uma coletiva de imprensa para (tentar) organizar, como trabalho da faculdade, e também uma série de textos sobre Sociedades Secretas, que eu venho querendo fazer já há algum tempo, o que seria bem interessante, logo, é minha mais provável escolha.

São tantos asuntos que nem por qual eu deveria começar hoje, então talvez não devesse começar.
Acho que deixarei isso do jeito que está, e a partir de amanhã, começo a série sobre as sociedades secretas, como o Priorado de Sião ou o Clube de Roma. Ou ainda a Skull and Bones.

Bom, acho que é seguro dizer que antes um leque de opções e ficar indeciso, do que não ter nenhuma opção à mão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s